Talvez eu lhe tenha visto

Talvez eu lhe tenha visto…

Talvez eu tenha estado contigo.

Talvez você esteja morando comigo,

Talvez por tua forma de me ver, tem se tornado meu amigo.

Talvez o desgaste por você sentido…. sejam os caminhos por você percorridos,

Talvez as palavras que precisavam ser ditas ficaram escondidas, em lugar obscuro…e assim cheios de muros, muros…e destes vieram outros, que não faziam parte daquele momento.

Coisas que podiam ser cultivadas foram por nós adiadas…. por quais motivos eu não sei!

O que sei é quando as palavras ficam perdidas, elas buscam refúgio na casa chamada silêncio.

E ali pede repouso, e tempo, para que posam se refazer, por não querer um viver assim… de uma forma que não faça bem pra você…e nem tão pouco pra mim.

Autora: Valdete Ramos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s